Pesquisar neste blogue

domingo, 30 de junho de 2013

Texto - Diplomatico escândalo

Não há regulamentos, decretos ou leis que possam contrapor este básico e constitucional principio: o trabalhador deve receber o seu salário no local onde, por decisão dos seus superiores hierárquicos, se encontra a exercer funções. 
Vem isto a propósito da “guerra” entre Portugal e Andorra desencadeada, dizem, por falta grave do autor. Guerra entre Portugal e Andorra.doc 
Sintetizando, o Principado terá desenvolvido “agastada” pressão sobre o “Ministério dos Negócios Estranhos” de Paulo Portas, acusando o funcionário de não ter cumprido com protocolares obrigações. 
Sem querer aqui referir da razão que possa legitimamente assistir ao importante Estado andorrano, gostaria, apenas, de enfatizar o que é dito no intróito: o “faltoso” manteve-me em Andorra após o encerramento da embaixada de Portugal, acatando instruções da hierarquia, negociando com sucesso os interesses do seu Estado e transaccionando todas as operações de ultima hora que lhe foram demandadas. 
Ao cabo de dois meses de permanência suplementar naquele pais horrível e  sem receber o seu vencimento que, natural e “eloquentemente”, (segundo escreveu o Director Geral de Administração do MNE) foi transferido para o seu futuro posto e não tendo outro rendimento que o seu salário, o signatário começou a  ficar “teso”. 
Consequente e obviamente não teve dinheiro para legalizar a carripana, doada a uma filha noutro pais.
Como a sua filha também tem o grande defeito de ser pobre, ficou à espera que o pai lhe enviasse alguns carcanhois para pagar a legalização do carro. 
O pai esperava que o abrir de uma conta bancária no pais para onde iria era uma simples formalidade; depois transfeririaa o cacau, e a filha com placas do seu pais de residëncia, enviava de imediato as outras (andorranas) ao Principado de Andorra. 
Mas o previsto não aconteceu; o pai foi considerado “PEP” no pais de transferência (leia-se “Pessoa exposta politicamente”) e a esperada formalidade transformou-se em árdua missão burocrática, com a consequência de ter de esperar dois meses e meio para abrir conta bancária e, finalmente, poder transferir dinheiro para o sustento da família e pagamento da famigerada legalização! 
Em conclusão: o autor foi, no mínimo, acusado de não ter tido a prudência necessária para precaver a situação em que o colocaram: isto é ter poupado ainda mais alguns tostões para estar em condições de cumprir com todas as suas  obrigações; sem salário durante dois meses (muito para o “prevaricador”!), porque o Ministério, apesar de o ter obrigado a ficar em Andorra, enviou o “cacau” para o posto de transferência (a milhares de quilómetros), o “desregrado” foi acusado de “degradação das relações bilaterais entre os dois Estados”; foi acusado do possível  e mais que provável conflito armado entre os dois países… Parece ao autor ser um tanto exagerado para um mero, simples e cumpridor funcionário… Por este andar, quem sabe se um dia não será acusado das falcatruas e atitudes escandalosas que se passaram e passam em determinados sectores consulares e diplomáticos… 
O “culposo” aceita, antecipadamente, a pena de morte: reconhece merecê-la; não quer sequer comutação em pena de prisão perpétua, antecipando a infelicidade da hipótese do seu possível cumprimento em Andorra! Se for mesmo execução sumaria, até ficaria feliz de reencontrar, nos Céus, Pais, Amigos e Familiares; não deixaria, porém e antes, de tratar de “fazer a folha” a alguns FDP que poluem a vida das pessoas simples… 
Claro que os referidos elevar-se-iam sincronizadamente com os primeiros mas, subitamente, a sua trajectória desviar-se-ia para um sitio menos agradável, tal como uma piscina repleta de excrementos, onde ficariam com esses até ao pescoço, sendo que de quando em vez, repetidamente, guardas viriam com bastões bater-lhes na cabeça para que voltassem ao seu elemento natural, bebendo e comendo aquilo que são!
Não tem o cidadão incriminado nem fanatismos partidários, clubistas ou religiosos; admira seres autênticos e justos e gosta, também, de filosofia; nesta sua vida alongada, aprendeu a apreciar certas criaturas, quaisquer que sejam as suas convicções. Até conhece pessoas e animais racionais (ou não) que  merecem toda a consideração porque, dotados alguns, de inteligência e filosofia. 
O seu grande amigo do Rio foi e será o “Cristo Redentor”, com quem trocou muitos diálogos. 
E quando a sua hora chegar, não deixara de lhe dizer, num desabafo:  Cristo meu amigo, aceita esta derradeira mensagem: “Perdoa-lhes “Amigo do Corcovado, eles não sabem o que fazem…!” 
Rio de Janeiro, 23 de Maio de 2012. 
JOANMIRA

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Imagens do Mundo - Porto (Portugal) em greve geral

Baixa do Porto em dia de greve Paulo Pimenta/Público

Texto - A pratica de cocar os tomates à esquerda

Coçar um tomate, ao acaso, mas calhando sempre do lado esquerdo, é o sintomatico de uma patológica « cumbichão » que, de quando em vez, pode ser o estigma de doença que passa de crónica a disparatada. 
Pode ser um problema sério ; Recomenda-se consulta célere e que não se hesite a recorrer da  sabedoria médica para evitar grandes males ; é que a comichão é sintoma de grave patologia. 
sabendo que todo individuo constituído segundo as normas divinas só tem, visivelmente,
De cima para baixo, uma cabeça com nariz, um pescoço com rugas e um sexo nem sempre bem ajeitado…alto e para o baile!!! 
O resultado da investigação levada a termo com a preciosa e reflectida ajuda de eminentes especialistas com cérebro, procedendo por eliminação, chegou a uma conclusão deveras espantosa.
 
Se o tomate coçado, presumidamente de esquerda, não reagiu à estimulação, conquanto tenha tido essa percepção, é de concluir que não é tomate vermelho ; resta, então, a solução de que o tomate estava ainda verde, o que é grave, ou amarelo, o que não é melhor…
 
Um bom tomate tem de ser vermelho ou não ser ! 
Para concluir, varias hipóteses se nos deparam : ou o indivíduo coçado não estava no seu estado normal e coçou, por acaso, à esquerda ou à direita algo ou qualquer órgão consensual, ou então, mesmo os tomates deixaram de ter sentido. 
Bordeaux, 27 de junho de 2013. 
JoanMira
 
 
 

Desenho - "3 secondes après le déluge"

"3 secondes après le déluge"
 
Bordeaux, 27-06-2013
 
JoanMira

sábado, 22 de junho de 2013

O Secretario de Estado José Cesario e as permanências consulares - Video

 
Muitas coisas funcionam mal nos Consulados; mas como não somos sectarios devemos à verdade reconhecer que as permanências consulares do Secretario de Estado José Cesario são um sucesso; maior em todo o caso que a infeliz experiência do "consulado virtual" de Antonio Braga.
 
Esse virtual consulado não passou disso: virtual, e os quiosques foram a unica imagem real nas associacões, onde serviram (e ainda servem) para pousar copos de vinho e garrafas de "mini"...
 
As permanências de José Cesario têm outra virtude: aproximar o cidadão dos servicos publicos; os Portugueses agradecem e reconhecem que não ter de se deslocar ao Consulado distante de centenas de quilometros, perder dias de trabalho, é um bom exemplo de politica positivamente concreta.
 
Porque muitas vezes somos criticos em relacão aos governantes, devemos tembém sublinhar  decisões que servem a Comunidade.
 
Bordeaux, 22 de junho de 2013.
 
JoanMira  

sexta-feira, 21 de junho de 2013

Foto - Escultura - Jaume Plensa

Mais cabeças: mulher é fotografada ao lado de escultura do artista espanhol Jaume Plensa, em Paris Foto: a / Reuters



Jaume Plensa, o catalão que conheci no Rio, autor de "Awilda" em Botafogo, expõe agora em Bordeaux.
Aux quatre coins du centre-ville de Bordeaux, d'étranges emballages et d'importantes sculptures se dévoilent, suscitant la curiosité des Bordelais et des touristes.
Des œuvres monumentales (jusqu'à 8 mètres !) signées de l'artiste catalan Jaume Plensa, et qui concrétisent la prochaine exposition proposée par la mairie de Bordeaux du 27 juin au 6 octobre, en plein cœur de la cité.

Sculpteur de 58 ans né à Barcelone, Jaume Plensa est un artiste renommé à l'international. Il est devenu célèbre pour ses œuvres monumentales, à l'image de la Crown Fountain de Chicago, ou encore l''âme de l'Èbre réalisée pour l'Exposition internationale de Saragosse en 2008.

Après Rio de Janeiro, Salzburg ou le Parc de Yorkshire, Jaume Plensa s’installe cet été à Bordeaux avec onze de ses œuvres dont quatre sont produites pour l’occasion.

L’artiste a conçu l’exposition pour être vue aussi bien de jour comme de nuit, grâce à des œuvres rétro-éclairées, au gré d’un parcours de sculptures dans la ville et au contact de la population.

L'artiste a préparé sérieusement cette exposition bordelaise avec plusieurs visites ces derniers mois.

  • Quatre sculptures inédites présentées à Bordeaux

Cette exposition est l’occasion pour l’artiste de réaliser un geste artistique puissant en concevant deux majestueuses figures féminines – Paula, et Sanna, chacune d’une hauteur de 7 mètres, pour deux sites patrimoniaux majeurs de la capitale girondine.

Ces portraits monumentaux de jeunes femmes sont réalisés en fonte de fer, matériau travaillé en début de carrière par l’artiste, qu’il re-expérimente à Bordeaux.

Une troisième œuvre inédite, intitulée Self-portrait, présente une figure enveloppée dans une mappemonde constituée d’éléments de langage, et à travers laquelle l’artiste poursuit une recherche plastique commencée il y a plusieurs années.

Le public découvrira aussi les visages Marianna & Awilda, dans la cour de l’hôtel de ville, deux portraits de jeunes filles réalisés en acier inoxydable montrés en avant-première à Bordeaux, avant d’intégrer une grande collection américaine.

  • Lieux et œuvres exposées à Bordeaux

Cour de la mairie
Marianna & Awilda, 2013, acier inoxydable, 400 x 420 x 300 cm (2)
Collection : Bradley S. Jacobs, Greenwich, Connecticut, USA

Place Pey Berland
Paula, 2013, fonte de fer, 703 x 98 x 255 cm


Haut du Cours de l'Intendance
Ainsa II, 2013, acier inoxydable et pierre, 320 x 225 x 350 cm


Place de la Comédie
Sanna, 2013, fonte de fer, 703 x 98 x 255 cm


Jardin public
The Heart of trees, 2007, bronze, 7 figures, 99 x 66 x 99 cm


Place de la Bourse
House of Knowledge, 2008, acier inoxydable, 800 x 550 x 530 cm


Esplanade Edmond Géraud
The Poets, 2012 (Body Soul, Country,Water fire), résine et acier inoxydable, 800 x 152 x 31 cm


Place Saint-Pierre
Ainsa I, 2013, acier inoxydable et pierre, 320 x 215 x 380 cm
Collection Mildred Lane Kemper Art Museum, Washington University in St Louis, University purchase, Art on Campus fund, 2013, USA


Place Camille Jullian
Self-portrait, 2013, acier inoxydable, 320 x 225 x 350 cm
Place Fernand Lafargue
Thoughts, 2013, acier inoxydable et pierre, 310 x 200 x 290 cm


Présentation de 11 maquettes originales dans les salons du Palais Rohan (Mairie)

Dans le cadre du soutien à l'organisation de l'exposition, le Casino-Théâtre de Bordeaux présente aussi une œuvre de l'artiste :
Silent Music, 2013, acier inoxydable et pierre, 310 x 230 x 290 cm


Le Grand Hôtel de Bordeaux exposera également quatre gravures originales de l'artiste dans ces salons, et la Galerie Arrêt-sur-Images présentera une série d'estampes inédites.

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Texto - O Consulado esburacado




Buracos nos tetos, buracos nas paredes, buracos no esquecimento...
 
buracos, muitos buracos...
 
Meu pobre consulado! Em tempos foste um exemplo para qualquer governante; o dinheiro dos Portugueses corria como a lava escaldante num hipnótico espelho de felicidade; feliz foste, deslavado és!

Para onde vogas caravela desmantelada e inclinada para a po(u)pa? 

Quem consegue evitar o anunciado naufrágio? Quem evita o desastre?
 
Foste dos tempos áureos quando Portugal ainda tinha uma réstia de credibilidade; hoje
existes ou és? Onde esta o timoneiro eleito para evitar os escolhos?

Diz-se que as mesmas causas produzem amiude os mesmos efeitos;
Estou muito perto de compreender a veracidade da asserção. 

Em todo o caso, com o pouco que, deliberadamente, me foi dado perceber, creio poder afirmar, sem receio de me enganar, que nada ali vai melhorar, bem pelo contrario, como diz e bem o Daniel Oliveira, ja que a corrupcão continua!.

“Le vers est dans le fruit” e, enquanto não destruírem o “verme”, o fruto, inexoravelmente, vai apodrecendo!

A “investigação” que teve lugar naquele consulado, chefiada pelos improváveis “inspectores histérico-fuma-cigarros” é propícia a uma grande gargalhada que não solto por respeito por quem injusta e caricatamente foi incriminado; caricato?… 

Hoje, apetece-me desanuviar:  uma certa vontade de libertação, rio (?) sem censura mas com vontade e ironia… por isso, para os Amigos do Rio, um grande abraço e pedido de reflexão… Para que não fiquem cúmplices no "silence des agneaux"…
 
(Querer ser livre implica sacrificios)  

Bordeaux, Franca,  20 de Junho de 2013.

JoanMira  

quarta-feira, 19 de junho de 2013

PM admite que policia "excedeu-se" em ataque com gas pimenta

RIO — O coronel Frederico Caldas, porta-voz da Polícia Militar, admitiu que o policial do Batalhão de Choque flagrado por um fotógrafo da Associated Press (AP) agiu com excesso ao atacar uma mulher com spray de pimenta enquanto passava pela Praça Quinze na noite da manifestação que reuniu cerca de 100 mil pessoas. Caldas comentou a ação — que foi mostrada na imagem do fotógrafo Victor R. Caivano, que correu o mundo — em entrevista ao “Bom Dia Rio”, da TV Globo, nesta quarta-feira.
— A gente percebe que há um excesso, principalmente, por se tratar de uma mulher sozinha e dois policiais. Não justifica absolutamente dois policiais terem esse tipo de comportamento — explicou.
Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/rio/pm-admite-que-policial-se-excedeu-em-ataque-com-spray-de-pimenta-8741260#ixzz2WgIVEIoP

Manifestante é agredida por policial com spray de pimenta
Foto: Victor R. Caivano / AP
 
Pois é... os otarios "excedem-se", julgam-se homens, batendo em homens, mulheres, criancas: cidadãos sem defesa... Da vontade de vomitar! Lindo, né?
 
No tempo da PIDE em Portugal era assim... Esse tempo não acabou; Quando o Povo atingir o ponto de revolta, os "analfabrutos" ainda pensarão que sera tempo de colocar os seus préstimos ao servico da democracia. Infelizmente para eles, creio que esse tempo ja terminou! 
 
Como dizia o poeta: "un jour viendra..."
 
 


Por quanto mais tempo vamos deixar fazer isto...
 
"Povo, poupa estes inocentes mas nunca te arrependas de supliciar os coniventes."
 
19 de junho de 2013
 
Globo. 
 
JoanMira

terça-feira, 18 de junho de 2013

Texto - A Revolta no Brasil!

Grupo encurrala policiais na Alerj, um PM saca a arma protegido pelo escudo
Foto: Pedro Teixeira / Agência O Globo

A Revolta No Brasil. 
Policias disparam com armas reais, e o Povo reage de mãos armadas…de razão! 
A corrupção no Brasil é mais linda que um pleonasmo. Vivi ao lado dos nossos irmãos, sempre alegres, bem dispostos e joviais. 
Mas quando chega, basta! 
Num Pais onde vivem algumas das maiores fortunas do mundo que  agridem ostensivamente o povo, só resta esperar que os meus amigos "caras" foliões esqueçam artificiais “vapores” para ressuscitarem à cidadania. 
Que tenham acesso a alojamento condigno para não viverem em favelas desesperadamente decrépitas; 
Que tenham alimentação saudável sem terem de pagar preços especulativos pela "agua di bebê", aquando de cheias repetidas ao longo da incúria da maior parte dos responsáveis, por isso inexpiáveis, e descaradamente aproveitadas por corruptos: homens “políticos” e comerciantes, que por elas "esperam" para aumentarem lucros; 
Hospitais funcionando com um mínimo de higiene sem se ter de ficar meses a fio no longo de corredores comuns, respirando, no meio de excrementos, indignos odores, (até ser atendido alguns segundos antes da morte); 
Escola para todos: aos "meninos" deixando a escola como contrapartida a aprendizagem acelerada do crime, que vai do manejamento das armas, do assassinato, ao consumo exacerbado da cachaça e da droga...). 
Uma justiça actuante: quem, no Brasil, não for apanhado em "flagrante" não é preso! Impedir que ex-actuais-e-futuros-criminais dêm uma voltinha até qualquer esquadra e que, sem serem julgados, regressem ao crime sem que nada lhes aconteça! 
Ao Povo brasileiro pouco falta: 
- repartição entre todos, o mais igualmente possível, dos extraordinários lucros de um Pais emergente; 
- Justiça, que impeça que os políticos, grandes factores de corrupção, conheçam as "inaceitáveis prisões brasileiras"; horríveis para qualquer um! 
Não aceito o que se esta fazendo no meu "Brasiu"! 
Os corruptos continuam a reinar à sombra da "Republica"; os jogadores de futebol continuam a queixar-se dos seus “alter-ego”, que não respeitam nem as suas perninhas nem os seus tomates; Ordem e Retrocesso; isto é o Brasil dos neoliberais! 
Aquele grande Povo Brasileiro vai, enfim revoltar-se. 
Forca Povo, estou convosco!!! 
18 de Junho de 2013 
JoanMira 

domingo, 16 de junho de 2013

Texto - Corrupcão no Consulado-Geral de Portugal no Rio de Janeiro

Enquanto cidadão nacional não aceito o que se continua a passar
naquele consulado com a cumplicidade pouco ou mal informada da chefia. 
O dever de qualquer cidadão, acrescida nesta altura, é de denunciar, sem delação, todas as fraudes que prejudicam a Sociedade além da injustiça a que o submetem. 
Constatei, descrevi, reclamei, disse, implorei para que a elas se ponham termo, mas não me ouviram… Então, como funcionário que sou, adstrito ao dever de sigilo, nada vou divulgar hoje a não ser sob a tortura. 
Já disse varias vezes aos responsáveis políticos que aquela “merda” de pseudo investigação não chega (para inglês ver como se diz na gíria)!
 
Em poucos meses apercebi-me que a corrupção é tão grave que não se pode cingir a funcionários com pouquíssima culpa! Como dizem em francês “le vers est dans le fruit!) 
Houve uma investigação aparatosa chefiada por uma companhia
Inspectorialmente improvável; chamê-mo-la de Esteves  & Co)  (onde “co”
Poderá ter sido uma pseudo-diplomata do Ministério dos Negócios Estranhos
Que decidiu, entre duas crises de histeria, condenar funcionários talvez “inocentes”
Conquanto menos responsaveis… 
Jah aqui varias vezes referi que a maior fraude naquele consulado, não foi investigada…
Nos poucos tempos que por lah passei identifiquei (eu que não sou águia) onde se situa a maior fraude. O sector da contabilidade talvez merecesse algum olhar. 
Como não sou politico, peco aos meus representantes – uma vez mais – que se debrucem sobre o assunto; é que na próxima vez passo a citar nomes… 
A mim ninguém me vira; 
E depois digam que eu sou maluco!!! 
Bordeaux, 16 de Junho de 2013-06-16 
JoanMira 

Foto - "Pour toi Nicole, repose en paix"

"Pour toi, Nicole: repose en paix" - 25-10-2010
 
16-06-2013
 
JoanMira

Desenho - "Nicole faceceu"

"Nicole faleceu"
 
16-06-2013
 
JoanMira

sábado, 15 de junho de 2013

Diplomatas: não tenho medo!



 Diplomatas (e afins!),
 
Ponham-se à tabela, não pisem o risco, cumpram, não prevariquem, não entrem em jogatanas e ainda menos em prepotências...
 
Caso contrario terão de se haver com quem sempre cumpriu, sempre considerou os colegas como seres humanos, nunca abotoou qualquer xeta, sempre tudo pagou... até os selos das cartas...
 
Ok?! 
 
JoanMira


sexta-feira, 14 de junho de 2013

Texto - Fraude no Consulado de Portugal no Rio de Janeiro

 

Fraude no Consulado de Portugal no Rio de Janeiro

Já que não me é permitido dizer o que sei sobre a fraude passada - e em curso - no Consulado de Portugal no Rio de Janeiro, vou cingir-me a isto: 

Consulados são repartições portuguesas no estrangeiro; a sua razão de ser prende-se, tão somente, com a existência de utentes que a eles diariamente recorrem para resolver problemas administrativos, tais como documentos de viagem, actos notariais e de registo civil. 

Consulados não são representações diplomáticas; para isso existem embaixadas; no Brasil também é assim! Dai que, como diz, e bem, o embaixador Francisco Seixas da Costa, os funcionários consulares não sejam diplomatas, não obstante asserções repetidas da imprensa que insistentemente recalcitra e erra; o único diplomata de um Posto consular é, em principio, o cônsul... geral ou não!
 
Mas queria voltar à realidade; o leitor decerto já sentiu aquele sentimento de injustiça que por vezes pode levar à revolta. 

impostos aquiloIsto tem a ver com o que se passa no Consulado de Portugal no Rio de Janeiro; utentes roubados por uma cambada de vigários oportunistas não-portugueses; roubada toda a gente honesta; roubado eu que nunca roubei e pago caro, através dos meus (elevadíssimos  que nos vai faltando), roubado Portugal! 

E vem uma puta de inspecção, de cigarro na boca (em local onde nunca fumei – não é verdade inspector Esteves, Dra. Susana),  excluindo da responsabilidade os maiores prevaricadores. 

Em Pátria onde não há justiça, deixa de haver democracia! 

Oiçam, por favor, o que tenho a dizer, ou vai tudo pr’o …Inferno! 

Bordeaux, 14 de Junho de 2013. 

JoanMira

 

  

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Consulado de Portugal no Rio de Janeiro - Conclusão (?) da corrupcão...


A chanceler do Consulado de Portugal no Rio de Janeiro foi despedida, depois de um processo judiciario instaurado aquele consulado por suspeitas de corrupcão e favorecimento. A mesma pena foi aplicada a Maria Elisa Teixeira.
 
Mais sete funcionarios estão com processos disciplinares por concluir.
 
As duas funcionarias despedidas são portuguesas, os outros arguidos são brasileiros.
 
Lembramos que todos os funcionarios gozam da presuncão de inocência até qualquer decisão definitiva e que, pessoalmente, creio que a falta da chanceler se cinge à ausência de denuncia junto do seu superior.
 
As suspeitas envolvem o pagamento de milhares de €uros "por baixo da mesa" com a participacão mais que activa de "despachantes" que, por muito mais que o preco oficial, faziam "disparar" o montante dos emolumentos pagos pelos utentes.
 
O lucro tera sido dividido entre funcionarios envolvidos e pelas "agências de marcacão".
 
Mas ha mais, muito mais! Certo sector daquele consulado, que permanece "insuspeito", pode e devera ser investigado; quando o for a sério, todos saberão o porquê da diminuicão vertiginosa das receitas naquele posto consular...
 
O dinheiro entra, é verdade, mas para onde vai?
 
Aos responsaveis politicos poderei dizer, caso queiram, o que terei sobre o assunto... E tenho!!!
 
13-06-2013
 
JoanMira

Pintura - Emeric Marcier - "Jesus com a cruz nas costas"

Entre os destaques da mostra, estão as 14 telas que compõem a via-sacra pintada pelo romeno Emeric Marcier (1916-1990), como "Jesus com a cruz nas costas" (1955). Foto: Divulgação



Emeric Marcier (1916-1990) "Jesus com a cruz nas costas" (1955). Divulgação

quarta-feira, 12 de junho de 2013

Desenho - Alone again, n...!"

 
"Alone again, n...!"
 
06-08-2010
 
JoanMira

Texte - Bon anniversaire Nini


Bon anniversaire
Les sillons de la vie sont inter-énergétiques…
Me souvenant brusquement de ton anniversaire
Juste quelques secondes avant minuit… et
Le 12 juin… va savoir pourquoi, je me suis
Souvenu d’une chanson de mes 38 ans…
C’était, je crois, si ma mémoire ne faillît, Jairo…
Oui, c’est ca, Jairo, un jeune chanteur sud-américain
Qui…chantait (excuse le pléonasme à moitié atteint,
car il y a chanter ou simagrer parfois en play-back) :
« On se reverra »… Sûr. En attendant, mon souhait
que tu franchisses le cap et puisses me retrouver là où
Je pourrais être, entourée de compréhension et d’amour.
Grand bisou.
 
Bordeaux, le 12  juin 2013
 
 
"Es la nostalgia"
JoanMira

terça-feira, 11 de junho de 2013

Foto - O amanhecer esta terca-feira no Rio de Janeiro

A Avenida Presidente Vargas vista na manhã desta terça-feira Foto: Fernando Quevedo / Agência O Globo
A Avenida Presidente Vargas vista na manhã desta terça-feira. Fernando Quevedo / Agência O Globo

A imagem do dia - 11-06-2013

2013 June 11
See Explanation.  Clicking on the picture will download
 the highest resolution version available.
Star Forming Region NGC 3582
Image Credit & Copyright: Desert Hollow Observatory

Explanation: What's happening in the NGC 3582 nebula? Bright stars and interesting molecules are forming. The complex nebula resides in the star forming region called RCW 57. Visible in this image are dense knots of dark interstellar dust, bright stars that have formed in the past few million years, fields of glowing hydrogen gas ionized by these stars, and great loops of gas expelled by dying stars. A detailed study of NGC 3582, also known as NGC 3584 and NGC 3576, uncovered at least 33 massive stars in the end stages of formation, and the clear presence of the complex carbon molecules known as polycyclic aromatic hydrocarbons (PAHs). PAHs are thought to be created in the cooling gas of star forming regions, and their development in the Sun's formation nebula five billion years ago may have been an important step in the development of life on Earth. The above image was taken at the Desert Hollow Observatory north of Phoenix, Arizona, USA.

sábado, 8 de junho de 2013

Texto - Dialogo do desespero


...2013:
 
- "Quero a reforma por anticipacão; sei que me vão roubar mais uma vez com penalidades, mas quero a reforma ja porque não aguento mais!"
 
- Mas querido amigo, você, na vigência da lei não pode pedir a reforma mesmo com penalidades! Tera que esperar pelos seus 65, 66, 67 ...anos, sei là!... 
 
- Mas eu estou doente, cansado e ja trabalho ha 43 anos...
 
- Lamento mas vai ter que continuar como manda a lei! Faca um esforco...
 
- Vou dar em maluco... Ha tantos jovens desempregados a quem é negado o "mercado" do trabalho (como vocês dizem)...  ha tantos velhos como eu, usados pela eternidade dos contributos dados... e a resposta é essa?!
 
- é a unica possivel que podemos dar; é a filosofia da União Europeia; trabalhar mais e melhor.
 
- Desculpa là o sapiente-mor, sou pouco inteligente, mas entendo que me estas a "gozar" ao dar-me uma so e unica alternativa...
 
- Sim, dis là qual? Posso aceitar sugestões que vão no bom sentido: ganhos de produtividade, aumento do tempo de trabalho, reducão do salario, ... 
 
- Para ai! Estou a ver que não sabes mesmo... Mas eu digo-te: cada vez mais se impõe a solucão "oteliana":
 
Deportar-te a ti e tua corja de filhos da put@ para o "Campo Pequeno" e transformar-vos em sangrentos furos a caminho e um Mundo maravilhoso; o vosso Mundo: o Mundo do nada!
 
Abre... 
 
Bordeaux, 08-06-2013
 
JoanMira 
-

Bodyboard at the Wadi Adventure (Surf no deserto) - Video


Portugueses na melhor piscina de ondas do Mundo
 
Um grupo de 3 atletas e um cameraman, decidiu fazer uma escala de 3 dias no Dubai a caminho de uma viagem de bodyboard à Indonésia, para experimentar a melhor piscina de ondas do mundo.
Durante a escala de 3 dias nos Emirados Arabes Unidos, Hugo Pinheiro, Francisco Bessone e Edmundo Veiga usufruiram da melhor piscina de ondas do mundo e concretizaram o sonho de poder surfar no meio do deserto.

sexta-feira, 7 de junho de 2013

Texto - Gargalhadas contra o ridiculo! (video)


Como são vistos no Mundo os “Zumbas” e/ou “pimbas” da politica portuguesa… 

Esta foi no Parlamento israelita; segundo uma tradução pouco fidedigna, o deputado ao referir-se à “politica auto-destruidora” do governo português, não conseguiu conter-se!

De facto, se temos todas as razões de chorar face à politica dos “Stepper’s Boys”, choremos de rir, então, com os nossos amigos de Israel; é de graça, desopila “os fígado”, faz bem à saude e, só resta esperar que seja contagiante para os nossos palhacos! 

Riam, riam e riam!!! 

Façamos uma ecológica poupança de energia: riso contra austeridade; não poupemos esforços para o nosso bem estar!
 
07-06-2013
 
JoanMira
 

Desenho - "Moi, dans 19.999 ans"

Moi, dans 19.999 ans
 
08-12-2010
 
JoanMira

quarta-feira, 5 de junho de 2013

Texto - “Tripalheiros e lagartixas”


Soubemos hoje que o Povo ficou preocupado ao saber que lagartixas e tripeiros não mais terão “relações institucionais”!
Vivendo num Pais desafogado economicamente em que a cretina rivalidade entre dois clubes é chamada a ocupar a “primeira” dos jornais desportivos e outros no seu cadente descalabro...  
Admitimos, sim, que mais uma grande calamidade se abateu sobre o luso rectângulo: Porto e Sporting, cansados de dançar o tango, vão experimentar outra dança… Sendo que o cidadão continua a dançar a “Balsinha”… 
No tango existe uma confortante realidade: invariavelmente ora avança um recuando o outro e vice-versa; e assim se multiplica a confortável esperança de que, até à exaustão, sempre será assim: o conforto é tal que, mesmo o musico acredita no que proporciona até que “inelutavelmente" o chefe de orquestra, excedido, diga, alto e para o baile... 
Nesta nova “moda”, as lagartixas vão tentar acoplar-se com as águias o que, como sabemos não é fácil, entre aves de rapina e animais rastejantes… 
Vão ficar mais fraquinhos ainda os tripalheiros do clube regional; sem o apoio dos seus futuro ex-amigos; vão ter de se haver com a realidade: um CLUBE (SLB) de grande áurea que muito dificilmente poderá ser igualado por bestas terrestres, que não são nem bife nem pescado, nem equinos nem rasantes, nem galopantes, nem ovelhas, nem dragões... a não ser que assimilem este mítico animal a outros "cuspidores de raiva"… Ficarà, então, a besta artificial e isolada; ficarão lagartixas e os nunca vistos: os “dragons” que nem sequer minha bisavó viu!
Mas, não esqueçamos o essencial: daqui a pouco é o “10 de Junho”: dia da “nossa raça” (qual raça qual carapuça!) como diz, e bem, um amigo “tripalheiro” do Porto, “eles querem é estar lá no poleiro! e os outros que sa fuedam, carago!” 
05-06-2013 
JoanMira