Pesquisar neste blogue

sábado, 31 de maio de 2014

Ordenados da função pública sobem no verão


O resultado imediato do chumbo do Tribunal Constitucional (TC) ao artigo 33 do Orçamento do Estado é a suspensão dos cortes entre 2,5% e 12% dos salários da função pública acima dos 675 euros brutos. O que já foi cortado desde janeiro não é devolvido e os salários aumentam já em junho.
Resta saber que medida é que o Governo vai adotar para substituir o chumbo do TC à norma do Orçamento do Estado que previa esta corte. O Executivo não tem tempo para encontrar uma alternativa aos cortes salariais a tempo de serem processados os ordenados de junho.
Pelo menos nesse mês, os mais de 500 mil trabalhadores do Estado vão recuperar rendimento, que regressa aos níveis anteriores a janeiro de 2011, antes dos PEC de Sócrates.
Para o presidente do TC, Joaquim Sousa Ribeiro, os cortes aplicados este ano aos funcionários públicos "iam além do limite dos sacrifícios admissíveis". O chumbo foi suportado por 10 juízes, que consideraram que o Governo violava com esta medida o princípio da igualidade.
Antes de o Executivo PSD/CDS ter avançado para os cortes entre 2,5% e 12% dos vencimentos da administração pública superiores a 675 euros brutos, os cortes em vigor variavam entre 3,5% e 10% para valores superiores a 1500 euros brutos. Os montantes inferiores estavam protegidos.
O Orçamento do Estado para 2014 agravou os cortes, que estão em vigor desde o início do ano. O Tribunal Constitucional acaba de chumbá-los, motivo pelo qual deixam de ser aplicados. Ainda assim, o que já foi cortado não será devolvido.
Ler mais:
http://expresso.sapo.pt/ordenados-da-funcao-publica-sobem-no-verao=f873171#ixzz33Ioa7NCl

sexta-feira, 30 de maio de 2014

Texto - What a Wonderful World

Tortura, violações, assassinatos, desprezo, ignorância, fé infernal, ou celeste (é igual) … Crianças e adolescentes abandonados, fome, analfabetismo, e pelos “cinco ângulos do quadrado” “Cegos” ainda crêem na redenção. 
 
De volta já todos meus anos de existência,
De volta já os meus os votos em "partidos" Hipócritas...
De volta já a minha velha inocência.

De volta já as minhas origens...
"Farto" estou de desligado de entes queridos, de amigos, de tudo o que amo, Por obrigação; se serviço da Pátria fosse, restar-nos-ia algum orgulho,
Mas não...Tudo o que sucedeu foi sempre ao servico de narcísicos patetas... Gatunos e nada mais.
Se ainda acredito? Politicas, religiões?
Deixem-me rir... as trafulhices da Historia repetem-se ciclicamente e capturam sempre os mesmos palermas querem sejam incautos ou não...
Por favor, oh tu deus dos ateus ou de todos, devolve-me ao meu estado de inocência original, ou então, envia-me para o "Nada", que para mim é Tudo!
30-05-2014
JoanMira


quarta-feira, 28 de maio de 2014

Abstenção nos Consulados: esclarecimentos do Secretario de Estado das Comunidades, Dr. José Cesario


"Nas recentes eleições europeias verificou-se o aumento de um fenómeno que há alguns anos condiciona a participação eleitoral dos nossos compatriotas residentes no estrangeiro.
Muitos daqueles que pretendem exercer o seu direito de voto vêem-se impedidos de o fazer pois deixaram de constar nos cadernos eleitorais uma vez que, tendo obtido o seu cartão de cidadão no território nacional, passaram automaticamente a ficar recenseados na freguesia que indicaram como local de residência.
Este facto cria milhares de eleitores absentistas em Portugal e reduz drasticamente a participação política das nossas comunidades.
Por outro lado, os cidadãos que declaram uma morada diferente daquela que realmente possuem, ficam também numa situação irregular face a diversas autoridades portuguesas, nomeadamente no plano fiscal e das cartas de condução.
Alerto assim todos os portugueses residentes no estrangeiro para a urgência de regularizarem esta situação.
Sempre que tratarem do cartão do cidadão em Portugal deverão dar a sua morada real no País onde efectivamente residem mais de metade do ano.
Por outro lado, os que entenderem exercer o seu direito de voto nos círculos da Europa ou de Fora da Europa devem com urgência certificar-se que têm cartões de identificação com a morada no estrangeiro e que continuam recenseados nos respectivos consulados."

terça-feira, 27 de maio de 2014

Imagens do Mundo - Alaska - Estados-Unidos

Un grupo de bomberos trabaja en las labores de extinción de un incendio forestal que ha arrasado ya 50.000 hectáreas en la península de Kenai, en el sur de Alaska.

segunda-feira, 26 de maio de 2014

A imagem do dia 26-05-2014 - video

An ALMA Telescope Array Time-Lapse
Video Credit: ESO, José Francisco Salgado, NRAO; Music: Flying Free (Jingle Punks)

Explanation: It is the most expensive and complex ground-based astronomy project ever -- what will it see tonight? The Atacama Large Millimeter Array (ALMA) project consists of 66 dishes, many the size of a small house, situated in the high altitude Atacama Desert in Northern Chile. Together, ALMA observes the skies in high-frequency radio light, a band usually used only for local communication due to considerable absorption by humid air. The thin atmosphere and low humidity above ALMA, however, enable it to see deep into our universe in new and unique ways that allow, for example, explorations of the early universe for chemicals involved in star formation, and observing local star systems for signs of disks that form planets. The above time-lapse video shows the course of four ALMA antennas over one night. The Moon sets early in the video, while three dishes repoint in unison. Background stars continually rotate up, the central band of our Milky Way Galaxy pivots around and eventually exits off to the right, while halfway through the Small and Large Magellanic Clouds -- satellite galaxies near our Milky Way -- rise up from below the horizon. Car headlights momentarily illuminate the dishes, while an occasional Earth-orbiting satellite crosses overhead. Daylight ends the video but not ALMA observations -- which typically run both all night and all day.

sábado, 24 de maio de 2014

Now, it's time to say goodnight - Amaia - Ciao!

CIAO, CIAO, CIAO...!

Açores - A Charamba é linda! - Brigada Vitor Jara - Video - Musica

"Charamba"
em 1981, iniciamos uma das primeiras emissões radiofonicas em lingua portuguesa que se intitulava "Tempo Português", na Radio Adour Navarre em Bayonne, França. Era companheira do programa a Nanda Seiliez. Nessa altura, Radio e, obviamente, programa eram clandestinos, pois so alguns meses depois, o Presidente François Miterrand viria a autorizar as chamadas "radios livres". O Genérico de fim da emissão era este lindo tema "a charamba" interpretado pela Brigada Vitor Jara. Jamais esqueceremos.
 
24-05-2014
 
JoanMira 

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Texto - Porque detesto €uropéistas trafulhas!



Subitamente o meu Universo desapareceu…
Tornei-me maioria e, subitamente, fiquei pobre 
Como alguns que conhecia e ajudava.
 
Jamais teria imaginado que o percalço fosse possivel.
Trabalhei, lutei, trabalhei, sofri…respeitei honestas regras 
E eis que assim aqui estou. Estupefacto!
 
E no meio dos meus tormentos, entendo em meios vespertinos
Matutinos e outros a que ainda acesso, a informação adulterada com relentos de putrefacção…
 
Vem a propósito da “gentalha” não se entusiasma  pelas eleições europeias… 
 
Mas que grande falta de civismo! 
Que falta de cultura democrática… 
Que grande falta de solidariedade… 
Que grande falta de tudo ou de nada... 
Que tamanha percepção do vacuo… 
 
Essa falta de ar que a todos transforma... 
O tamanho diminuido que nos reduz ao “estado” 
Reptiliano, igual aos outros que por demais o detêm.
 
Tamanha revolta…
 
Mundo, esquece-me até que o braço se arme.
 
21-05-2014
 
JoamMira

Texto - Consulados e Embaixadas em greve ilimitada a horas extraordinarias

 


Como diz um grande Amigo: "Não aumento, nem invento, por vezes... Lamento! . . ." 
Comenta Amigo que eu ja nem isso posso fazer, senão ainda me vêm novamente aos bolsos... 
Por isso apenas me limito a reproduzir excertos do comunicado recebido do Sindicato dos Trabalhadores Consulares e Missões Diplomaticas:


"A Comissão Executiva do STCDE,comunica que os trabalhadores estarão em greve, por tempo ilimitado, à prestação de trabalho

extraordinário e à prestação de trabalho em dias de descanso semanal e feriados pelos seguintes motivos:


Não atualização salarial, como se os Trabalhadores estivessem sujeitos à inflação portuguesa e não aos efeitos conjugados das inflações locais e das variações cambiais em causa;

Não compensação em IRS de centenas de trabalhadores sujeitos a diminuição das suas retribuições por via do efeito fiscal;

Não cumprimento do salário mínimo nacional ou dos salários mínimos locais, mesmo quando imperativos, em diversas representações diplomáticas, postos consulares e centros culturais;



Imposição aos Trabalhadores dos centros culturais a submissão genérica a regimes laborais locais não identificados e a um regime de SIADAP contrário à lei, para além da recusa factual da prevista revisão do seu Estatuto Profissional;



Ausência de formação profissional devida aos Trabalhadores;.

Desrespeito em variadas representações diplomáticas, postos consulares e centros culturais das regras relativas à saúde, higiene e segurança no trabalho;
 

Ausência de condições, por decisão governamental, para a aplicabilidade dos acordos entreo MNE e o STCDE relativo a regime de horários, créditos sindicais e criação de banco de horas para compensação de feriados locais;
 
Aplicação genérica do regime legal de cortes salariais e de aumento da carga horária na Administração pública, sem ter em consideração as especificidades inerentes ao desenvolvimento da actividade profissional no estrangeiro, como seja a sua imperativa ilegalidade;
 
Não consagração do seguro de saúde privado, legalmente previsto;.



Não observação do regime de prestação e compensação de trabalho extraordinário e emdias de descanso semanal e feriados. 

Chega, ou sera preferivel ou mais apetecivel continuar a vergarmo-nos ao sentimento de subserviência ou idolatria de todos os "chulos" que parasitam a Sociedade... Em tempos idos, ainda era jovem, devia venerar-se os "sôtores da mula russa" como dizia o Povo; os mesmissimos canalhas e analfabetos que apoiavam o "Regime" que castigava e torturava quem não fosse da "cor". Adolescente, comecei logo com problemas como puto que vestia de vermelho... Sim, é verdade, sempre fui do Benfica! 
Por hoje é tudo...Mas não fica por aqui!
 
21 de maio de 2014
 
JoanMira


sábado, 17 de maio de 2014

Tem a palavra Joaquim Rosario - O maior roubo numa final europeia; "obrigado" à mafia da UEFA!

Eu nem quero imaginar o que teria acontecido neste país se algumas equipas de bairro tivessem tido uma arbitragem como o Benfica teve em Turim.
Mas a Grandeza é como o Fado, não é fadista quem quer...
E o Benfica sempre será Grande e os Kalimeros não passarão de aspirantes.
"Europa - O roubo descaradado"
 
"Obrigado Platini"!
 

terça-feira, 13 de maio de 2014

A imagem do dia 13-05-2014

See Explanation.  Clicking on the picture will download
 the highest resolution version available.
CG4: A Ruptured Cometary Globule
Image Credit & Copyright: Jason Jennings (cosmicphotos)

Explanation: Can a gas cloud grab a galaxy? It's not even close. The "claw" of this odd looking "creature" in the above photo is a gas cloud known as a cometary globule. This globule, however, has ruptured. Cometary globules are typically characterized by dusty heads and elongated tails. These features cause cometary globules to have visual similarities to comets, but in reality they are very much different. Globules are frequently the birthplaces of stars, and many show very young stars in their heads. The reason for the rupture in the head of this object is not completely known. The galaxy to the left of the globule is huge, very far in the distance, and only placed near CG4 by chance superposition.

segunda-feira, 12 de maio de 2014

Now, it's time to say good night - Sweet dreams...



Sweet dreams. Ciao, ciao, ciao...

Imagens do Mundo - A revolta do Povo venezuelano




Un hombre se tapa la boca con una cinta con los colores de la bandera de Venezuela para protestar por la irrupción de los funcionarios en los campamentos que se habían levantado en la calle durante las protestas estudiantiles. La policía ha desmantelado las carpas que los estudiantes habían colocado en la calle y ha detenido a más de 200 personas.

domingo, 11 de maio de 2014

A imagem do dia 11-05-2014

See Explanation.  Clicking on the picture will download
 the highest resolution version available.
Valles Marineris: The Grand Canyon of Mars
Image Credit: Viking Project, USGS, NASA

Explanation: The largest canyon in the Solar System cuts a wide swath across the face of Mars. Named Valles Marineris, the grand valley extends over 3,000 kilometers long, spans as much as 600 kilometers across, and delves as much as 8 kilometers deep. By comparison, the Earth's Grand Canyon in Arizona, USA is 800 kilometers long, 30 kilometers across, and 1.8 kilometers deep. The origin of the Valles Marineris remains unknown, although a leading hypothesis holds that it started as a crack billions of years ago as the planet cooled. Several geologic processes have been identified in the canyon. The above mosaic was created from over 100 images of Mars taken by Viking Orbiters in the 1970s.

Foto - Passeando pelo Barreiro (Portugal) - "Entre céu e mar"

"Barreiro entre céu e mar"
20-10-2013
JoanMira

sexta-feira, 9 de maio de 2014

Texto - A Revolta do Povo brasileiro


 
Segundo o jornal “O Globo” “A descrença nas instituições pode estar por trás das manifestações de violência e de crimes bárbaros que têm ocorrido” no Brasil . E vem, com “pareceres” científicos, malabaristas e algum cinismo, sustentar a encomendada tese com sondagens, percentagens e “dados preliminares” de um estudo do Núcleo de Pesquisa em Políticas Públicas da Universidade de São Paulo… Da-se!...
Apetece-nos dizer, nos que somos ateus graças a Deus, que nos valha a Senhora do São Cri calho!
Descrença nas instituições?!
Mas que por grande bátega nos tentam regar com eufemismos bacocos?
Na realidade, no Brasil como em qualquer parte do mundo, as populações fustigadas acabam quase sempre por se revoltar, inexoravelmente.
Não conheço o Brasil; apenas vivi parcos tempos (de privilégio) em Copacabana; dessa efémera passagem restam lembranças lindas do Povo que descia das favelas para se juntar  com jovialidade, amabilidade e alegria aos “gringos”, na praia;
“Povo brasilêro não é violento, não!”; é “aberto”, comunicativo e amigo…
E quando por vezes “bêbe djimaiz”, dorme no passeio sem cobertor apenas resguardado pela fé inenarrável que preside a todos os actos do seu dia-a-dia.
Uma simples pergunta para concluir: você tornar-se-ia violento se o seu salário fosse de 200 €uros por mês? Se a consulta a um médico especialista fosse quase do mesmo montante? Se não tivesse acesso a uma simples habitação “legal” fora da favela? Se o deixassem morrer à porta do hospital cheio de doentes “acamados” no chão dos corredores? Se visse o seu Pais gastar rios de dinheiro com estádios de futebol à só gloria da FIFA? Se tivesse consciência que os seus representantes políticos fossem na grande maioria corruptos?
O que faria? Rezava à Senhora do São Cri Calho… como fazem os Portugueses com a “virgem” de Fátima?
Não queremos dizer com isto que se enverede pela violência como fazem alguns brasileiros desesperados. Nada disso. Apenas queremos compreender o porquê da “descrença” nas instituicões.
Bordeaux, 09 de maio de 2014
JoanMira

segunda-feira, 5 de maio de 2014

Tem a palavra Paulo Terça - "Passos Coelho"

Eu não penso que Pedro Passos Coelho seja um bom político. É, no entanto, um grande vendedor. Daqueles que conseguem vender-nos um chaço qualquer e fazer-nos sentir como se tivéssemos adquirido um clássico desportivo. A história que Passos vende tem uma lógica cristalina, daquelas de meter pelos olhos dentro, só não vê quem estiver de má-fé. É uma história edificante, daquelas que nos deixa bem dispostos e cheios de esperança. E eu adorava conseguir acreditar nela. É pena que não seja verdade.

A arte de Passos está em saber contar a sua versão da realidade para consumo interno, reinterpretando à sua maneira o que vai acontecendo. Se os juros sobem, é porque o tribunal constitucional chumbou. Se descem, é porque o governo está no caminho certo e a fazer com que a confiança no país cresça. Se a saída é limpa, é porque o programa do governo foi um sucesso. Na realidade, como vários comentadores têm feito notar, os juros têm variado por circunstâncias que nada têm a ver com o que aqui se passa; se a saída é limpa, é porque os países europeus, como a Alemanha e a Finlândia, não estão para nos dar mais apoios. A saída é limpa porque o governo não tinha outra alternativa, mas para consumo interno a saída é limpa porque o governo assim o decidiu.

Esta arte de reinterpretar a realidade não é sequer original. Há séculos que líderes espirituais o fazem, reinterpretando os fenómenos na natureza como vontades de um qualquer deus, satisfeito ou irado com a nossa conduta. Profeta e visionário qualquer um pode ser, desde que esteja disposto a falhar as suas previsões metade das vezes. Acertará na outra metade, e convencerá os outros de que essa é a metade que importa. Esta arte tem um nome: charlatanice.

De qualquer modo, o governo manobrou bem a sua táctica: numa Europa cheia de incertezas, à beira da desagregação e sob a ameaça de perder tudo o que foi conseguido, circunstancialmente ou não, no pós-guerra, e onde se começam já a sentir, ao longe e a leste, as notas graves do rufar dos tambores da guerra, Passos construiu, à beira de eleições, uma doce ilusão a que poucos resistirão. Se, por sorte, tudo correr bem (e esperemos que sim), Passos poderá consolidar a sua história salvífica e contribuir para o aprofundamento da cultura sebastiânica. Se correr mal, será por via das circunstâncias externas. Bem sucedido por mérito próprio ou vítima de circunstâncias que não podia controlar, ele será o herói. Talvez espere ainda vir a ganhar um lugar no panteão.